Publicado 29 de Junho de 2015 - 5h00

Eduardo Moscovis, ator

João Miguel Júnior/Globo

Eduardo Moscovis, ator

Colaboração: José Carlos Nery

 

A direção da Record está com tanta coisinha em torno da Xuxa, proibindo isso e proibindo aquilo, que mesmo sem ser esta a intenção ou ela ter alguma culpa no cartório, acabou por tornar o ambiente bem desfavorável para a sua nova contratada.

Tudo que diz respeito ao seu nome, diferentemente de todos os outros, tem que passar pela avaliação direta do número 1, Marcelo Silva. Cabe a ele e somente a ele, no caso dela, determinar aquilo que pode e aquilo que não pode, o que termina por caracterizar uma situação de total desequilíbrio e desigualdade em relação aos demais.

Xuxa, sem querer e mesmo sem ser este o seu desejo, foi elevada a condição de principal estrela da casa, com os privilégios decorrentes, claro, mas também com todos os ônus que isto significa.

A menos de dois meses para a sua estreia, o ideal seria unir as forças em torno. Tornar o ambiente mais favorável para a sua chegada e tirar proveito disso. Mas lamentavelmente, pelo que se observa, está tudo funcionando de maneira diferente.

TV Tudo

Um quadro

E no programa da Xuxa que vem aí, um quadro deve ser o “Só para maiores”, com este nome ou algum parecido, para falar abertamente sobre sexo.

A ideia é promover um bate-papo descontraído sobre o assunto, usando alguém na Internet e com perguntas da plateia e público em geral pelas redes sociais.

O que nos leva a concluir...

Que o Serginho Groisman e o seu “Altas Horas”, além da sexóloga Laura Muller, estão fazendo escola.

Mas tudo certo. Boas instruções sobre o assunto são sempre válidas e importantes.

Como é a vida

Mônica Iozzi, em seus tempos de “CQC”, muitas vezes ficou falando sozinha, esnobada por atores e atrizes que hoje falam naturalmente com ela no “Vídeo Show”.

O que mudou? O programa? Os atores e as atrizes? Ou a emissora?

Ganho importante

É quase uma obrigação reconhecer que o “Vídeo Show”, com a Mônica e o Otaviano, voltou aos seus melhores dias.

Passou, novamente, a ser um programa interessante, leve e bem humorado.

Desandou a maionese

Nos interiores do Fox Sports, ainda em relação aos atos de indisciplina cometidos por alguns dos seus comunicadores, as críticas mais fortes pesam sobre a falta de pulso dos seus diretores.

Entende-se que em nenhuma das situações eles souberam agir com a autoridade que deveriam.

Olha que bacana

Vai sair em breve um livro comemorativo aos 10 anos do “Profissão Repórter”, primeiro como quadro do “Fantástico” e depois, desde 2008, em programa semanal. Trabalho organizado pelo Caio Cavachini.

São 27 textos, escritos por pessoas que passaram – como o diretor Marcel Souto Maior e outros que continuam no programa, além de professores da USP. Entre eles, para fechar, o da jornalista Mônica Pinheiro, como conclusão do seu mestrado na Sorbonne, baseado num conto de Voltaire sobre os jovens repórteres.

E outro

O programa “Papo de Mãe”, da Mariana Kotscho e Roberta Manreza, há 6 anos no ar na TV Brasil, também vai virar livro pelo selo “Agir” da editora Ediouro.

Um conteúdo sobre família e maternidade. A ideia é lançar no Dia das Mães do ano que vem.

Homens trabalhando

Já está em construção o novo estúdio para cenário virtual na Rede TV!, com 350 metros quadrados.

Lembrando que o maior estúdio da emissora, o G, para cenários físicos, possui 1.500 metros quadrados.

Pausa necessária

Entre se desligar de um e começar no outro, Ticiane Pinheiro vai sair um pouco de cena e passear um pouquinho com a filha Rafaella.

A estreia dela no “Hoje em Dia” acaba de ser combinada para o dia 3 de agosto.

Eduardo Moscovis, atorO retorno de Moscovis

Afastado das novelas desde “Alma Gêmea”(2005), Eduardo Moscovis (foto) volta em “A Regra do Jogo”, a substituta de “Babilônia”. Será Orlando, um tipo bem duas caras. Gravando.

Em certa oportunidade, Moscovis disse que só voltaria para as novelas se fosse para fazer algo diferente, um desafio. Assim seja.

Bate – Rebate

· Na Band, brincam, que o negócio está tão feio, mas tão feio, que até os malabaristas de bolinhas de tênis do semáforo desapareceram...

· ...Sentiram que dali não ia sair mais nada.

· Enquanto para uns nada, Rodrigo Faro fez nesta domingo (28) a “parte 2” da Xuxa.

· Depois do Tom, Ceará, Wellington Muniz, será convidado em breve do “Domingão do Faustão”.

· César Tralli tirou duas semanas de folga na Globo. Volta ao “SPTV” no dia 10 de julho.

· Nos interiores da Globo, as atrizes Agatha Moreira e Camilla Queiroz já são consideradas novas realidades da sua teledramaturgia...

· ... As duas têm feito por merecer a vitrine proporcionada por “Verdades Secretas”...

· ... Da mesma forma, chama atenção o pouco aproveitamento de Grazi Massafera na mesma novela...

· ... Está numa condição um pouquinho acima de uma simples figurante...

· ... Tem capítulo que ela nem aparece.

C´est fini

Se ainda existiam dúvidas a respeito, agora é possível confirmar que o “Programa do Gugu” vai mesmo até setembro. Quatro meses além do inicialmente combinado.

Todo o seu espaço na grade será ocupado pela nova edição de “A Fazenda”.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!