Publicado 08 de Maio de 2015 - 14h38

Por Agência Estado

Nadal se classificou pela oitava vez consecutiva para as quartas de final do Aberto da Austrália

France Press

Nadal se classificou pela oitava vez consecutiva para as quartas de final do Aberto da Austrália

Atual bicampeão do Masters 1000 de Madri e quatro vezes vencedor da competição realizada em quadras de saibro na capital espanhola, Rafael Nadal garantiu vaga nas semifinais desta edição do importante torneio ao bater o búlgaro Grigor Dimitrov por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, nesta sexta-feira.

Com o triunfo, o atual quarto colocado do ranking se credenciou para enfrentar na próxima fase o vencedor da partida entre o checo Tomas Berdych e o norte-americano John Isner, também programada para esta sexta, para quando também estão previstos outros dois duelos das quartas de final. O espanhol David Ferrer encara o japonês Kei Nishikori, enquanto o britânico Andy Murray segundo cabeça de chave, terá pela frente o canadense Milos Raonic.

Essa foi a sexta vitória de Nadal em seis duelos com Dimitrov, hoje o 11º tenista do mundo, que no ano passado já havia sido superado pelo espanhol por duas vezes. Uma no Aberto da Austrália e outra no Masters 1000 de Roma. Antes disso, em 2013, o búlgaro também foi batido nos Masters 1000 de Montecarlo e Cincinnati, além de ter sido derrotado pelo adversário no Torneio de Roterdã de 2009.

Atrás do pentacampeonato em Madri depois dos títulos de 2005, 2010, 2013 e 2014, Nadal precisou de uma hora e 57 minutos em quadra para confirmar o seu favoritismo diante de Dimitrov, que chegou a quebrar o saque do espanhol por uma vez no primeiro set mas viu seu rival converter três de 11 break points para abrir a vantagem inicial de 6/3.

Na segunda parcial, Nadal logo conseguiu uma nova quebra no terceiro game, mas o búlgaro devolveu a quebra em seguida e travou duelo parelho com o adversário até o décimo game, no qual salvou dois match points, mas acabou sucumbindo com o seu serviço na mão e caiu por 6/4.

Escrito por:

Agência Estado