Publicado 07 de Maio de 2015 - 5h30

Um ônibus com sacoleiros que iria para o bairro Brás, em São Paulo, foi atacado por ao menos cinco bandidos armados, sendo uma mulher, na madrugada de ontem, em Sumaré. Ninguém ficou ferido. Os criminosos fugiram com cerca de R$ 8 mil, celulares, cartões bancários e de crédito, além de outros objetos das vítimas. Os bandidos estavam em dois carros, um Uno e um Fiesta. O ônibus de turismo tinha saído de Santa Bárbara d’Oeste e havia passado por Americana e Nova Odessa. O assalto foi às 5h10, quando o motorista parou em um ponto da Avenida Brasil, no Jardim Nossa Senhora Conceição, para pegar uma passageira. Um dos carros parou na frente do veículo e os criminosos renderam o motorista, obrigando-o a ficar parado. Dois dos bandidos e a mulher entraram no ônibus com armas em punho e obrigaram as vítimas a entregarem tudo. “A mulher é quem comandava o bando. Um bandido ficou com o motorista e o outro em um dos carros. Graças a Deus não fomos agredidos”, disse uma vendedora de 53 anos. “Faço esses viagens há mais de cinco anos e nunca aconteceu algo assim. Acho que alguém se passou por passageiro e descobriu a rota do ônibus”, avaliou. Ao menos 11 passageiros registraram boletim de ocorrência. Segundo as vítimas, no veículo havia pelo menos 20 passageiros e todos foram feitos reféns. (AR/AAN)