Publicado 09 de Maio de 2015 - 5h00

Por Milene Moreto

Milene Moreto - ig

AAN

Milene Moreto - ig

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, negou a liminar impetrada pela defesa da ex-primeira-dama de Campinas Rosely Nassim Jorge Santos em mais uma tentativa de suspender a ação conhecida na cidade como “Caso Sanasa”. Ela é acusada de ter chefiado o esquema de corrupção e desvio de verbas na empresa pública. De acordo com o ministro, não há flagrante ilegalidade que justifique a liminar. Para Zavascki, a denúncia respeitou os trâmites legais e o amplo direito à defesa.

Também não

Em mais uma tentativa de suspender o processo, a defesa de Rosely também questionou a parcialidade do juiz da 3ª Vara Criminal, Nelson Augusto Bernardes, por ele ter feito um prejulgamento do mérito da ação. A defesa também alegou que o juiz concedeu entrevistas à imprensa e forneceu parte dos processos para os repórteres. Zavascki negou a liminar e disse que o caso será avaliado quando houver o julgamento do mérito do Habeas Corpus.

Reforma

Em Brasília existe hoje uma confiança de que a reforma política será votada este ano de qualquer maneira. Isso porque, dizem, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) está empenhado em levar a proposta adiante. Resta saber se haverá no Congresso um acordo, já que cada partido defende um tipo de proposta diferente. Tem quem diga que o projeto entra na pauta, mas não segue adiante por causa de tantas opiniões divergentes.

Espera

Muitos políticos aguardam a votação para saber se entram na disputa eleitoral do próximo ano. A estimativa é que o presidente da Câmara defina nos próximos dias o rumo da proposta, independente dos pareceres que devem ser aprovados na Casa antes do processo seguir para o plenário.

Rolou

Depois de uma longa reclamação dos vereadores sobre a falta de interesse dos dirigentes do Guarani em debater com a Câmara os problemas causados pelo leilão do Brinco de Ouro, a Comissão de Representação conseguiu agendar duas reuniões para a próxima semana.

Conselho

O primeiro encontro será na segunda-feira (11), na sede do Guarani Futebol Clube, e tem como objetivo ouvir o Conselho de Administração do clube.

Audiência

O outro será na terça-feira (12). Os parlamentares vão participar de uma audiência no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região, com a empresa Maxion e a coordenadora do Núcleo de Gestão de Processos de Execução da Circunscrição de Campinas, a juíza Ana Cláudia Torres Vianna.

Bilhetinho único

O vereador Carlão do PT apresentou a proposta para que Campinas tenha o Bilhete Único Infantil. Segundo o petista, crianças até 6 anos são isentas da tarifa, mas elas precisam passar no colo da mães ou pular a catraca. Para Carlão, o Bilhete Infantil diminui a possibilidade de acidentes.

Curso

A Procuradoria-Geral de Justiça e o Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público promovem entre os dias 12 e 29 de maio, na Capital e no Interior, encontros para debater os aspectos práticos da atuação eleitoral com enfoque para as doações Acima do Limite Legal. Os encontros são exclusivos para os membros do MP. O tema é considerado pelos organizadores de vital importância para os Promotores de Justiça que exercem ou exerceram as funções eleitorais

Escrito por:

Milene Moreto