Publicado 06 de Maio de 2015 - 17h21

A Polícia Civil investiga uma denúncia de estupro ocorrida na noite desta terça-feira (5), em Bauru (SP). A vítima, que teve a identidade preservada, acusa o próprio companheiro de agressão e tentativa de estupro. O suspeito foi encontrado em uma base de serviços rodoviários tentando deixar a cidade.

A vitima relatou ao delgado da Central de Polícia Judiciária de Bauru, Milton Bassoto, que por volta das 21h, seu companheiro queria manter relações sexuais contra a vontade dela. Insatisfeito com a negativa, o suspeito teria enforcado e torcido o braço da companheira que resultou na fratura de um dedo da mão.

Em defesa própria, a vítima alegou que fingiu ter desmaiado e ao perceber que o companheiro havia caído no sono teria procurado ajuda. O casal é morador de rua e vive na praça São Sebastião vendendo artesanato.

Após ser localizado, o suspeito, que também teve a identidade preservada,disse que a companheira agiu por ciúmes e que os ferimentos seriam decorrentes de uma convulsão. Sobre a tentativa de deixar a cidade, o suspeito não informou o motivo. A Polícia Civil já ouviu as duas partes e segue investigando o caso.