Publicado 05 de Maio de 2015 - 16h30

Por Renê Moreira

Comércio da principal avenida do bairro Simioni ficou fechado pelo manhã

Captura de vídeo

Comércio da principal avenida do bairro Simioni ficou fechado pelo manhã

Escolas suspenderam as aulas e lojas fecharam as portas nesta terça-feira (5) na região do bairro Simioni, em Ribeirão Preto (SP). A ordem teria partido de traficantes em razão da morte de um homem de 30 anos, morto com 9 tiros na porta de um bar por dois desconhecidos que chegaram em um carro prata e atiraram, na noite desta segunda, 4.

As linhas de ônibus também deixaram de circular e durante toda esta terça e o clima foi de medo. A paralisação no ensino atingiu quatro unidades mantidas pelo município - duas creches e duas escolas, sendo os pais dos alunos orientados a levá-los de volta para casa.

A Prefeitura confirmou o fechamento das escolas e o policiamento na região foi reforçado. Ainda assim, os ônibus urbanos estão indo apenas até um determinado ponto do bairro, dali em diante o passageiro precisa seguir a pé.

Escrito por:

Renê Moreira