Publicado 05 de Maio de 2015 - 14h32

Por France Press

Ao menos quatro civis morreram em um atentado com carro-bomba perto do quartel-general de uma milícia xiita em Bagdá, indicou nesta terça-feira (5) a polícia.

O ataque foi reivindicado nos fóruns on-line jihadistas pelo grupo Estado Islâmico (EI), que afirma ter detonado um carro em frente ao hotel onde "as milícias iranianas se reuniam".

Além dos quatro mortos, a explosão deixou treze feridos, disse à AFP um coronel da polícia.

O atentado ocorreu perto do quartel-general das brigadas Iman Ali, no bairro de Karrada, no centro da capital iraquiana.

A bomba explodiu em frente ao Royal Hotel, a pouco menos de 500 metros do quartel-general, que não foi atingido. Vários carros e o lobby do hotel ficaram danificados, segundo um fotógrafo da AFP.

O bairro de Karrada sofreu outro ataque no sábado, quando quinze pessoas morreram em um atentado com carro-bomba lançado em frente a um restaurante popular que foi reivindicado pelo EI.

Milícias xiitas apoiam as forças governamentais iraquianas em sua luta contra os jihadistas sunitas do EI, que desde junho passado tomaram o controle de vastas zonas do território do Iraque, ao norte e a oeste de Bagdá.

Escrito por:

France Press