Publicado 26 de Março de 2015 - 16h40

Por Adriana Leite e Silva

A Semana de Conciliação realizada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15º Região, entre os dias 16 e 20 de março, resultou em um total de R$ 91,80 milhões liberados a trabalhadores por meio de 4.160 acordos firmados em 6.116 audiências de conciliação que ocorreram na 1ª e 2ª instâncias

A semana foi batizada de “Outra forma de estender a mão é conciliar”. O mutirão foi organizado pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e contou com a participação de 24 tribunais trabalhistas no País.

De acordo com dados do TRT da 15º Região, durante a semana foram realizadas 6.116 das 6.564 audiências designadas. O patamar de êxito na conciliação foi de 68%. No total, foram pagos R$ 91.804.803,75 para 14.217 pessoas. Os resultados do primeiro mutirão deste ano foram superiores ao último mutirão nacional da Justiça do Trabalho, realizado em setembro do ano passado, quando foram firmados 2.397 acordos e pagos R$ 78 milhões aos trabalhadores.

Durante o mutirão foi inaugurado o Centro Integrado de Conciliação da Circunscrição de Campinas (CIC). No novo espaço, foram realizadas 427 audiências, com 239 acordos firmados. De acordo com a Justiça do Trabalho, foram homologados R$ 11.357.213,10 e atendidas 2.046 pessoas.

Segundo o TRT da 15º Região, o CIC de 2º Grau também apresentou resultados positivos. No local, foram realizadas 248 audiências de tentativa de conciliação e homologados 91 acordos. As empresas reclamadas pagaram R$ 3.107.654, 96.

O presidente do TRT, desembargador Lorival Ferreira dos Santos, informou em nota que deverão ser instalados Centros Integrados de Conciliação em cada uma das outras sete circunscrições do Regional, localizadas nos municípios de Araçatuba, Bauru, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba, e nas demais unidades judiciárias de 1ª instância, em caráter fixo ou itinerante.

A Justiça do Trabalho informou que os trabalhadores e empresas que tiverem interesse em realizar audiência de conciliação devem fazer agendamento pela internet, por meio do Formulário Conciliar, disponível no site do TRT15: http://portal.trt15.jus.br/conciliacao. (AAN)

Escrito por:

Adriana Leite e Silva