Publicado 23 de Março de 2015 - 5h30

Uma esbarrada no ombro provocou uma briga numa casa noturna, em Sousas, na madrugada de ontem. Segundo os policias, por volta da 1h30, João Carlos Lopes Junior, de 23 anos, estava com amigos num camarote, quando o agressor esbarrou em seu ombro. “Quando olhei, ele ficou me encarando. Não aguentei e fiquei encarando ele também”, disse Junior. Em seguida, o desconhecido avançou para cima dele e trocaram socos. Para piorar a situação, seis colegas do rapaz entraram na briga e deram chutes e socos em Junior. Segundo a vítima, um dos seus amigos tentou apartar, mas acabou levando uma garrafada no rosto. Com a confusão generalizada, os seguranças do local chegaram para amenizar a situação. Junior e o amigo foram levados para um camarim da boate e atendidos por um bombeiro, que estancou o sangramento dos dois. Em seguida, eles foram encaminhados para o pronto-socorro da Unicamp. Junior ficou com o rosto roxo e a boca cortada por dentro e o amigo levou dez pontos no rosto em consequência da garrafada. A falta de segurança deixou Junior traumatizado e ele garantiu que não pretende voltar a essa boate. “Não deveria ter retrucado à provocação, mas aconteceu. Achei que os seguranças demoraram para agir, mas sei que nunca mais volto lá”, disse. A reportagem tentou contato na boate ontem à tarde, mas o ninguém atendeu. (AAN)