Publicado 01 de Março de 2015 - 5h30

Quatro bandidos armados e encapuzados renderam um vigilante e invadiram o canteiro de obras da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Jardim Nova América, em Campinas, anteontem à noite. Os criminosos amarraram a vítima e fugiram com uma retroescavadeira e ferramentas. Ninguém foi preso e a máquina também não foi localizada. O assalto foi por volta das 21h30. A ETE, que está em obras há pelo menos oito anos, é murada mas não tem portão. Segundo o gerente de segurança do local, Daniel Borelli, o vigia estava no terceiro “degrau” da estação quando foi atacado. A vítima foi amarrada, presa no vestiário e só conseguiu se soltar três horas depois. Ele correu até uma obra vizinha e pediu ajuda. “O vigilante não sabe como eles chegaram e nem como saíram, pois há mato em volta”, contou Borelli. A retroescavadeira é de uma empresa terceirizada e avaliada em R$ 180 mil. Foi o terceiro roubo desse tipo de equipamento — outros casos ocorreram em obras no Jardim Denadai, em Sumaré, e da CDHU, em Campinas. A polícia acredita que essas máquinas são colocadas em caminhões e levadas a outros estados. A Prefeitura informou que a ETE está em obra pela empresa COM Engenharia e Construções Ltda. e que na próxima semana a Sanasa vai cobrar mais segurança no local. (Alenita Ramirez/AAN)