Publicado 02 de Março de 2015 - 5h30

O Washington Wizards finalmente voltou a vencer na NBA. Depois de seis derrotas consecutivas, a equipe da capital norte-americana contou com ótima atuação do brasileiro Nenê para passar no sábado pelo Detroit por 99 a 95, em casa. Foram 21 pontos, além de sete rebotes, para o pivô.

Com a vitória, o Wizards tenta voltar aos melhores momentos. Foram 11 derrotas nas últimas 13 partidas da equipe, que caiu da segunda para a quinta colocação da Conferência Leste. O Pistons, por sua vez, já começa a pensar na temporada que vem, uma vez que é somente o 12 do Leste.

O Wizards dominou praticamente todo o confronto de sábado, chegou a levar a virada no último período, mas aí Nenê e John Wall garantiram o triunfo. Wall, aliás, foi o cestinha da noite, com 22 pontos. Pelo Pistons, destaque para os 21 pontos e 10 rebotes de Greg Monroe, além dos 20 pontos do reserva Spencer Dinwieddie.

Outro brasileiro que esteve em quadra no sábado foi Tiago Splitter, mas ele sequer precisou se esforçar muito para que o San Antonio Spurs vencesse. Foram somente oito pontos para o pivô, mas ainda assim a equipe texana atropelou o Phoenix Suns por 101 a 74, mesmo na casa do adversário.

Além da ótima defesa coletiva, o Spurs contou com a grande atuação ofensiva de Kawhi Leonard, autor de 22 pontos e 10 rebotes. Danny Green, Boris Diaw e Aron Baynes contribuíram com 12. Pelo lado do Suns, o único destaque em meio ao péssimo desempenho da equipe foi o reserva Marcus Morris, com 19 pontos.

Ainda no sábado, o Atlanta Hawks venceu o Miami Heat por 93 a 91, fora de casa. A equipe atuou sem quatro de seus principais jogadores — Jeff Teague, DeMarre Carroll e Pero Antic —, mas ainda assim triunfou e provou por que é a líder da Conferência Leste.

O Hawks chegou a desperdiçar uma vantagem relativamente confortável no último período, mas aí Dennis Schroder e Paul Millsap garantiram o triunfo. Eles, aliás, foram os destaques da equipe. Schroder anotou 16 pontos e 10 assistências, enquanto Millsap foi o cestinha com 22 pontos. (AE)