Publicado 01 de Março de 2015 - 5h30

O calor, a dengue e o clássico com o Corinthians são as grandes preocupações do São Paulo para enfrentar o Rio Claro, hoje à tarde, pelo Campeonato Paulista, fora de casa. O técnico Muricy Ramalho deve escalar o que tem de melhor para buscar mais entrosamento antes de enfrentar o rival, mesmo com a previsão de desgaste pela alta temperatura e a epidemia da doença na região.

O encontro com o Rio Claro antecede ao clássico contra o Corinthians, marcado para o próximo domingo, no Morumbi. Embora seja pelo Estadual, a partida terá todo o clima de Libertadores, principalmente pelo interesse do São Paulo em devolver a amarga derrota por 2 a 0 e pela expectativa de representar uma prévia do novo confronto entre as equipes pelo torneio continental, em abril.

A equipe está invicta no Campeonato Paulista e Muricy quer dar sequência de jogos à base do time que vem atuando nas últimas partidas. Por isso, vai escalar o São Paulo no esquema 4-4-2. As recentes goleadas por 4 a 0 sobre Audax e Danubio devolveram ao grupo a confiança e ao técnico à sensação de que definiu quem são os titulares da equipe. "Estamos no começo de temporada e o time, se continuar jogando junto, tem a tendência de continuar evoluindo", explicou.

Tendo em vista os riscos que enfrentará hoje, Muricy Ramalho acabou resolvendo apenas ontem mandar um time misto a campo para enfrentar o Rio Claro. Na véspera da partida, o técnico cortou alguns titulares da lista de relacionados, como Paulo Henrique Ganso e Luis Fabiano, confirmando mudanças na equipe titular.

Além de Ganso e Luis Fabiano, Muricy poupará o zagueiro Rafael Toloi e o volante Denilson. O São Paulo também não terá o zagueiro Dória e o lateral-esquerdo Carlinhos, ambos machucados. Com estas baixas, o técnico convocou o zagueiro Paulo Miranda e o lateral Auro para enfrentar o Rio Claro.

Outro problema para a partida é a epidemia de dengue na cidade, que já teve mais de 1,2 mil casos notificados. A doença atingiu até mesmo quatro jogadores do Rio Claro e a preocupação fez a comissão técnica do São Paulo a preparar o uso de repelentes para a partida.

Tricolor deve anunciar a contratação de Wesley

Wesley deve ser anunciado como jogador do São Paulo hoje. O Tricolor não quer fazer alarde com a contratação.

A ideia é tirar da negociação o rótulo de chapéu no rival Palmeiras e conter uma nova polêmica com o clube vizinho de CT na Capital Paulista. Apesar da diretoria são-paulina afirmar que as negociações começaram nas últimas semanas, o certo é que o time conversa com o jogador desde março de 2014. A previsão é que sua apresentação aconteça na próxima terça-feira.

O volante fechou contrato por quatro anos.

Após três anos no Palmeiras, Wesley se despediu na última sexta-feira sem deixar saudades nos torcedores e dirigentes. Pelo clube, ele fez 103 partidas, 12 gols, e conquistou os títulos da Copa do Brasil de 2012 e o Brasileiro da Série B de 2013.

Um chega, outro sai. Ontem, Muricy confirmou que Maicon está em negociação com o Grêmio e deve ser emprestado até o final da temporada. O atleta tem contrato com o Tricolor até o fim de 2016. (AE)

RIO CLARO

Richard; Vinícius Bovi, Gilberto, Pitty e Renan Luís; Nando Carandina, Nenê Bonilha (Carlinhos), Matheus e Guaru; Paulinho e Macena. Técnico: Buião.