Publicado 23 de Março de 2015 - 21h04

Estudante fizeram protesto pela manutenção da merenda

Divulgação

Estudante fizeram protesto pela manutenção da merenda

Estudantes das Etecs (Escolas Técnicas Estaduais) de Sorocaba (SP) voltaram a protestar, na manhã desta segunda-feira (23), contra o fim do fornecimento das merendas pelo governo do Estado. Esta foi a segunda manifestação desde o anúncio feito de que a medida começará a vigorar no dia 1º de abril. Na primeira, eles foram até a direção das unidades e nesta foram à Diretoria de Ensino.

A manifestação passou Avenidas Juscelino Kubitschek, Barão de Tatuí e Moreira Cesar antes de chegar à Rua Cesário Motta, onde fica o prédio que sedia a Diretoria de Ensino da cidade.

 

O protesto foi pacífico e visou chamar a atenção da população e principalmente das autoridades para o problema. Os estudantes também estão procurando a imprensa e o governo para reclamar.

 

A assessoria de comunicação do Centro Paula Souza informou que o fornecimento não será interrompido. Na verdade, as Etesc passarão a fornecer a chamada merenda seca, formada por biscoitos.

 

A decisão foi tomada depois que a Prefeitura, até então responsável pelo serviço de merenda nas Etecs, comunicou que não atenderia mais as escolas estaduais por não haver recursos para tal.