Publicado 23 de Março de 2015 - 16h17

Estudantes da Escola Técnica Estadual Rubens de Faria, em Sorocaba, protestaram em frente ao portão da unidade, no final da tarde desta sexta-feira (20), contra a adoção da merenda seca.

O governo do Estado decidiu adotar esse tipo de merenda, constituída de barras de cereais e biscoitos, depois que a Prefeitura de Sorocaba decidiu não fornecer mais a merenda para escolas estaduais.

 

O fornecimento desse tipo de merenda deve começar a partir de 1º de abril, mas os estudantes não aceitam. Com cartazes nas mãos, o grupo pediu a manutenção das refeições normais.

 

De acordo com os líderes da manifestação, cerca de 6 mil estudantes serão afetados pela medida. A Polícia Militar acompanhou o protesto que bloqueou a pista em frente à instituição, mas não interveio.