Publicado 23 de Março de 2015 - 11h11

Por France Press

O ex-tenista australiano-sul-africano Bob Hewitt, de 75 anos, foi declarado culpado nesta segunda-feira (23) de dois estupros e uma agressão sexual contra adolescentes que treinava nas décadas de 1980 e 1990.

Várias vítimas testemunharam desde fevereiro em um tribunal de Johannesburgo.

O juiz do tribunal, Bert Bam, determinou que as provas eram conclusivas contra o ex-atleta, que em sua brilhante carreira ganhou 15 títulos de Grand Slam em duplas masculinas e duplas mistas nos anos 1960 e 1970.

Bob Hewitt nasceu e cresceu na Austrália, mas em 1967 se casou com uma sul-africana e adquiriu a nacionalidade deste país.

Escrito por:

France Press