Publicado 28 de Fevereiro de 2015 - 5h30

Uma quadrilha com pelo menos 10 bandidos explodiu dois caixas eletrônicos da Caixa Econômica Federal (CEF) e trocou tiros com a Polícia Militar (PM) ontem de madrugada, em Monte Mor. O crime aconteceu na região central, no prédio do Mais Fácil, que reúne vários serviços públicos da Prefeitura. Uma viatura foi alvejada com dois tiros de fuzil. Ninguém ficou ferido. A troca de tiros terminou na praça da Matriz e levou pânico aos moradores. Os bandidos fugiram com dinheiro. O montante não foi divulgado. Imagens da câmera de segurança de um morador mostram que ao menos três veículos deram cobertura na ação. Enquanto parte do bando fazia a explosão na sede, outros ficaram do lado de fora. A ação foi por volta das 2h. O prédio abriga serviços como do PAT, Cadastramento Único, junta militar e uma mini-agência da CEF. No lado externo ficavam os dois caixas. Munidos de um pé-de-cabra, os criminosos arrombaram o cadeado da porta principal da unidade, entraram e explodiram os terminais. Os bandidos ainda estavam no prédio quando uma viatura da PM passou pela rua paralela. Os bandidos que faziam a vigilância acharam que a polícia estava atrás deles e abriram fogo. Dois tiros acertaram a porta do lado do motorista, mas não transfixaram. Foi chamado reforço e os policiais revidaram. Os tiros acertaram paredes de imóveis e um transformador, que derramou óleo. Fiscais de trânsito jogaram pó de serra na rua para cobrir. Por conta dos danos nos caixas, o atendimento no local foi suspenso. (Alenita Ramirez/AAN)