Publicado 25 de Fevereiro de 2015 - 5h30

Em caso semelhante, a juíza da 1 Vara Cível de Itatiba, Roberta Cristina Morão, determinou no mês passado que o prefeito de Morungaba, José Roberto Zem (PV), demita 78 funcionários que ocupam cargos de comissionamento. A liminar também foi concedida após ação da promotora Fernanda Klinguelfus Lorena de Mello. Assim como ocorre em Itatiba, ela alegou que as leis que criaram as vagas não definiram as atribuições desses funcionários e consta apenas a informação que serão “chefes”, “diretores” ou “técnicos”. O prefeito afirmou, na ocasião, que não existe possibilidade de demitir os comissionados imediatamente e que nem todas as vagas estão preenchidas. Segundo Zem, os cargos não foram criados em sua gestão e, atualmente, 44 estão ocupados. Desses, 12 foram preenchidos com servidores de carreira. (BB/AAN)