Publicado 27 de Fevereiro de 2015 - 7h00

Um comprador anônimo do Reino Unido pagou 150 mil libras esterlinas pela casa de tijolos vermelhos

Divulgação

Um comprador anônimo do Reino Unido pagou 150 mil libras esterlinas pela casa de tijolos vermelhos

A casa onde o ex-Beatle Paul McCartney passou a infância foi vendida nesta quinta-feira por 231 mil dólares (206.000 euros) em um leilão realizado em Liverpool, cidade natal da banda de rock inglesa dos anos 1960.

Um comprador anônimo do Reino Unido pagou 150 mil libras esterlinas pela casa de tijolos vermelhos situada no sul da cidade costeira no leilão organizado no Cavern Club, lugar onde os Beatles se apresentavam no início da carreira.

"Estamos encantados por ter vendido algo tão simbólico para os Beatles e para a historia de Liverpool", disse Andrew Brown, diretor da casa de leilão Countrywide Property.

McCartney se mudou para a casa de três quartos com seus pais Jim e Mary em 1947, quando tinha quatro anos, e viveram ali durante seis anos. 

As peças relacionadas aos Beatles costumam ser muito populares nos leilões. Em 2010, um vaso sanitário de John Lennon foi vendido por 9.500 libras esterlinas.

A casa natal de Lennon foi arrematada em 2013 por 480 mil libras, enquanto a antiga moradia de George Harrison foi adquirida por 156 mil libras em 2014.