Publicado 27 de Fevereiro de 2015 - 19h38

Por Agência Estado

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) confirmou o retorno da Marussia à Fórmula 1, nesta sexta-feira (27), ao atualizar a lista de equipes inscritas no Mundial. Com a volta da equipe, que passou a se chamar Manor-Marussia, o campeonato voltará a contar com dez times.

A Marussia entrou na lista atualizada ao ser aprovada pela FIA, etapa determinante para a volta da equipe à F1. Depois desse passo, o time precisa se adequar ao regulamento da temporada 2015 e terá que obter uma Superlicença para o piloto britânico Williams Stevens, de 23 anos.

Além disso, a Marussia ainda terá que anunciar o companheiro de Stevens no Mundial - o dinamarquês Kevin Magnussen, atual reserva da McLaren, e o belga Stoffel Vandoorne são os mais cotados. Stevens foi anunciado nesta semana, numa demonstração de empenho da equipe em recuperar seu posto no grid da F1.

A equipe se afastou da categoria na parte final do campeonato de 2014. Sem condições financeiras, deixou de participar das últimas três provas do ano e acabou sendo entregue a administradores judiciais. O time, contudo, obteve novos investidores e retomou seus esforços para competir em 2015.

Escrito por:

Agência Estado