Publicado 26 de Fevereiro de 2015 - 0h56

Por Agência Anhanguera de Notícias

O goleiro Roberto lembra que contra o Santos foi contestado e ouviu palavrões de jogador que tem de idade quase o que ele tem de profissional

Gustavo Tilio/Especial para AAN

O goleiro Roberto lembra que contra o Santos foi contestado e ouviu palavrões de jogador que tem de idade quase o que ele tem de profissional

Ex-camisa um da Ponte Preta e capitão da Macaca na campanha do vice-campeonato da Copa Sul-Americana em 2012, Roberto é o novo goleiro do XV de Piracicaba para a disputa do Campeonato Paulista. O jogador de 35 anos, que estava parado desde o fim do contrato com a equipe campineira, será o substituto de Mateus Pasinato, que fraturou a mão esquerda. Como o regulamento do Estadual permite a substituição de um dos goleiros inscritos no torneio em caso de lesão, a diretoria do Nhô Quim apostou na experiência para comandar uma das defesas mais vazadas do campeonato.

Revelado pelo Criciúma, Roberto atuou em vários clubes do país e também no futebol português. Mas foi na Ponte onde teve um de seus principais momentos. Chegou ao clube em 2012 e ficou na reserva até assumir a vaga de Edson Bastos. Identificado com a torcida da Macaca, foi um dos personagens da campanha que levou o time à decisão da Sul-Americana. Ele também participou do acesso do time para a elite do Campeonato Brasileiro. No fim de 2014, após 105 partidas pelo time, não chegou a uma acordo sobre a renovação.

Roberto ainda não estará á disposição para o próximo jogo do XV, domingo, contra o Botafogo, em Ribeirão Preto. Terceiro colocado do grupo D com apenas três pontos, o Nhô Quim luta para escapar do rebaixamento. A partida do próximo final de semana marcará a estreia do técnico Toninho Cecílio no comando do clube.

Escrito por:

Agência Anhanguera de Notícias