Publicado 12 de Outubro de 2014 - 5h30

No governo Jonas o PSDB conseguiu espaço para buscar seu fortalecimento e o raciocínio é que a legenda continue no apoio a Jonas no próximo pleito. Foram 16 anos de espera dos tucanos para conseguir voltar ao Palácio dos Jequitibás e participar da divisão de cargos, desde o último mandato (1993-1996) de José Roberto Magalhães Teixeira. Os postos distribuídos ao PSDB são estratégicos e vão desde secretarias até autarquias e subprefeituras. Até hoje, dois anos depois da eleição do prefeito, os tucanos não encerraram suas tentativas de ampliar a participação. A legenda agora está de olho na presidência da Câmara.

Além do cargo de vice com Henrique Magalhães Teixeira, o PSDB abocanhou cargos de destaque no alto escalão, entre eles os comandos da Informática Municípios Associados (IMA), Secretaria de Gestão e Controle e a subprefeitura de Sousas. (MM/AAN)