Publicado 13 de Outubro de 2014 - 5h30

O instável Flamengo decidiu fazer sua melhor partida no Campeonato Brasileiro diante do líder Cruzeiro. Eficiente nos contra-ataques e objetivo nas finalizações, o time aplicou 3 a 0 no time mineiro na tarde de ontem, no Maracanã, subiu na tabela de classificação e voltou a deixar a competição em aberto.

O resultado diminuiu a diferença do Cruzeiro para o vice-líder, agora o Internacional, para seis pontos: 56 a 50. O Flamengo, por sua vez, chegou a 37 pontos em décimo lugar.

O rubro-negro abriu o marcador em uma lambança da defesa cruzeirense. Aos 13’, Alecsandro foi à linha de fundo e cruzou no primeiro pau. Fábio saía para encaixar a bola, mas o zagueiro Dedé se atirou todo estabanado e mandou no ângulo esquerdo.

O erro de Dedé refletiu bem o que foi o Cruzeiro na partida. O líder do campeonato foi pouco produtivo no meio de campo, abusou dos erros de passe e quase não conseguiu concluir. Tanto que a melhor chance do primeiro tempo só veio aos 30’, da cabeça do artilheiro Marcelo Moreno, mas o atacante boliviano, da pequena área, mandou à esquerda da meta rubro-negra.

Tentando alterar o panorama, na etapa final Marcelo Oliveira mudou o time. O técnico sacou o volante Nilton e colocou o atacante Willian em campo. O Cruzeiro melhorou nos primeiros minutos e teve duas chances para empatar antes dos 10’, com Marquinhos e Dedé.

Mas um erro do zagueiro Manoel, aos 11’, diminuiu muito as possibilidades de reação do Cruzeiro na partida. O zagueiro tentou proteger a bola para a chegada de Fábio, mas Canteros se antecipou à dupla e chutou rasteiro para ampliar.

Para completar a vitória, Gabriel aproveitou assistência de Alecsandro e, aos 17, chutou de primeira para fazer 3 a 0 e fechar o marcador. (Da Agência Estado).