Publicado 13 de Outubro de 2014 - 5h30

O Red Bull deu um grande passo para sacramentar a classificação às quartas de final da Copa Paulista. Com gols de Raul e Maurício, ambos no segundo tempo, o Toro Loko bateu o Santo André por 2 a 0, na manhã de ontem, no Estádio Moisés Lucarelli. A vitória deixa o Red Bull na vice-liderança do Grupo 5, com sete pontos, um a menos que o líder Rio Branco. A classificação pode vir já na próxima rodada, quarta-feira, contra o Batatais. Um triunfo garante o Toro Loko nas quartas de final com uma rodada de antecedência.

Depois de um primeiro tempo truncado e com poucas chances de gol, o nível do jogo melhorou na segunda etapa. Os dois times avançaram a marcação e as oportunidades de gol começaram a aparecer. Aos 7', Gabriel Barcos recebeu cruzamento da direita e carimbou a trave do Santo André. A resposta do time visitante foi imediata e veio dois minutos depois. Müller Fernandes recebeu passe açucarado de Pedro e driblou o goleiro Kewin, mas perdeu o ângulo e foi desarmado. Mais organizado em campo, o Red Bull abriu o placar aos 13', com o meia Raul. O camisa 11 recebeu na entrada da área pela direita e acertou um belo chute, sem chances para o goleiro Neto.

Atrás no placar, o Santo André se mandou para o ataque e pressionou o Red Bull, mas de forma desordenada e sem ameaçar o gol do Toro Loko. O time campineiro matou jogo nos acréscimos. Maurício recebeu de Gabriel Barcos dentro da área, limpou a marcação e chutou para o fundo da rede.

O técnico Maurício Barbieri elogiou o desempenho do Red Bull, que soube fugir da forte marcação do Santo André e conquistou uma vitória importante. "Foi um jogo complicado. A equipe se comportou bem, conseguiu trabalhar a bola, ter paciência para encontrar os espaços e fomos felizes nos dois gols", analisou.

O treinador afirmou que o Toro Loko vai buscar a classificação antecipada em Batatais. "Vai ser mais uma final. Agora precisamos focar na recuperação em função do desgaste, mas para nós seria muito importante uma vitória e se classificar com antecedência", destacou Barbieri.