Publicado 12 de Outubro de 2014 - 5h30

A Alemanha foi surpreendida e sofreu ontem a sua primeira derrota nas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. Melhor para a Polônia, que venceu por 2 a 0 na cidade de Varsóvia, assumiu a liderança do Grupo D e levou à loucura seus torcedores. Milik e Mila foram os autores dos gols que derrubaram os atuais campeões mundiais. Foi a 1 vitória da história da Polônia sobre os alemães.

O resultado deixou a Polônia na ponta da chave com 6 pontos, mesmo número da Irlanda, mas com um gol a mais de saldo. Em 3 vem a Alemanha, com 3, mesmo número da Escócia. Geórgia e Gibraltar fecham a classificação sem ponto.

A derrota confirmou o momento irregular da Alemanha após o título mundial. De lá para cá, a equipe disputou três partidas, sendo que nas outras havia perdido por 4 a 2 para a Argentina e vencido no sufoco a Escócia por 2 a 1, em Dortmund, na estreia das Eliminatórias.

A equipe que entrou em campo é bem diferente daquela que foi campeã no Brasil. Lahm, Höwedes, Schweinsteiger, Özil e Klose, titulares na final contra a Argentina, não estiveram em campo contra a Polônia.

Em uma espécie de "Eliminatórias paralela", a França derrotou Portugal por 2 a 1, ontem, em um amistoso realizado no Stade de France. Os franceses, que serão sede da próxima edição da Eurocopa, em 2016, não precisam disputar o qualificatório, mas um acordo com a Uefa fez com que enfrentem sempre o país que estiver de folga nas rodadas pelo Grupo I. Mesmo com a presença do astro Cristiano Ronaldo, Portugal não foi páreo para os donos da casa. Benzema, Pogba e Quaresma marcaram os gols.