Publicado 14 de Outubro de 2014 - 16h37

Por Agência Estado

A promissora geração espanhola de Munir, Deulofeu, Sergi Roberto Carvajal, Morata e Isco não virá ao Rio. Nesta terça-feira, a equipe sub-21 da Espanha foi derrotada por 2 a 1 pela Sérvia, no última mata-mata antes da fase final do Campeonato Europeu da categoria, e perdeu sua única oportunidade de estar na próxima Olimpíada.

A derrota é a primeira da Espanha sub-21 em cinco anos. A equipe não perdia desde novembro de 2009, quando tropeçou na Holanda. Na ocasião, o time tinha Javi Martínez, Azpilicueta e Jordi Alba, todos titulares da seleção adulta hoje em dia.

Na fase anterior das Eliminatórias do Europeu Sub-21, a Espanha obteve sete vitórias e um empate, marcando 24 gols e sofrendo só seis. Por isso, o time chegou como favorito contra a Sérvia, nos playoffs. Após empate em 0 a 0 fora de casa, sexta-feira, perdeu por 2 a 1 nesta terça, em Cádiz. Pablo Sarabia até empatou o jogo aos 47 minutos do segundo tempo, mas a Sérvia fez mais um com Kostic, no minuto seguinte.

Outra seleção tradicional que já sabe que não virá ao Rio é a Holanda, eliminada por Portugal. A Itália passou pela Eslováquia enquanto a Alemanha atropelou a Ucrânia. A Inglaterra confirmou o favoritismo contra a Croácia e a Dinamarca passou pela Islândia pelos gols fora.

Esses sete times, mais o vencedor de França x Suécia (os franceses venceram por 2 a 0 em casa) jogam o Europeu Sub-21 entre 17 e 30 de junho do ano que vem, na República Checa, buscando quatro vagas nos Jogos do Rio. A América do Sul classifica uma equipe a partir do Sul-Americano Sub-20 do ano que vem, enquanto o segundo colocado da competição joga repescagem contra o terceiro da Concacaf. O Brasil já tem vaga garantida entre os 16 participantes.

Escrito por:

Agência Estado