Publicado 09 de Setembro de 2014 - 12h17

Consumidores da rua 13 de Maio, em Campinas

AAN

Consumidores da rua 13 de Maio, em Campinas

 O mês de agosto foi o pior dos últimos oito anos para o comércio de Campinas, segundo levantamento da Associação Comercial e Industrial de Campinas (Acic) e registrou a maior queda no movimento, inferior apenas ao de 2008, época da grave crise que atingiu o País.

De acordo com dados da Acic, as vendas caíram 5,5% em relação a agosto do ano passado.

O faturamento do mês soma R$ 1,29 bilhão. Em 2013, o valor foi de R$ 1,25 bilhão. A queda no faturamento foi de 3,55%, menor em relação às vendas por causa da alta dos preços no período devido à inflação.

As pessoas também estão mais endividadas. A inadimplência subiu 7,79% em comparação a agosto de 2013. No acumulado do ano, de janeiro a agosto, o calote chega a R$ 102,7 milhões, com 139.745 carnês não pagos há mais de trinta dias no período.

Com informações de Adriana Leite/AAN