Publicado 08 de Setembro de 2014 - 12h46

Por Rogério Verzignasse

A Empresa de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e a Universidade de São Paulo (USP) devem firmar, ainda neste mês,um convênio que prevê a elaboração de estudo para a elaboração de um novo plano viário do Município. De acordo com o secretário municipal de Transportes, Carlos José Barreiro, o contrato prevê a criação de um modelo de mobilidade urbana para os próximos 25 anos. Não se pensa, em um primeiro momento, e investimentos milionários ou grandes intervenções físicas na malha, como a construção de novas avenidas e viadutos. Se pretende aliviar os gargalos de trânsito priorizando o transporte público. Mas, além disso, o plano vai levar em consideração o novo Plano Diretor do município.

As diretrizes do sistema de transportes serão tomadas a partir dos índices de ocupação urbana de cada trecho. Não existe, ainda, previsão de custos para o projeto, nem se sabe quando o convênioserá assinado, de fato. É certo, no entanto, que os estudos devem ser feitos ao longo de dez meses, por especialistas da Fundação de Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE), vinculada à Escola Politécnica.

Escrito por:

Rogério Verzignasse