Publicado 09 de Setembro de 2014 - 21h12

Por Paulo Campos

A tela é sensível ao toque, o que permitirá enviar mensagens por meio de desenhos

France Press

A tela é sensível ao toque, o que permitirá enviar mensagens por meio de desenhos

A Apple apresentou nesta terça-feira (9) os dois tamanhos do Apple Watch, seu relógio inteligente. O acessório será vendido nos Estados Unidos por US$ 349 (R$ 788,74) e no começo de 2015, provavelmente na feira de tecnologia Consumer Eletronic Show (CES), em janeiro, em Las Vegas, Estados Unidos Com o valor, o relógio inteligente se torna o mais caro da categoria.

O relógio funciona em conjunto com iPhone e será compatível, além do 6 e 6 plus, com 5, 5C e 5S. "O Apple Watch é o equipamento mais pessoal que nós já criamos", disse o CEO da companhia, Tim Cook, sobre o mais aguardado lançamento da tecnologia aplicada ao vestuário. Nesta terça-feira, a Apple lançou dois modelos do iPhone 6.

O aparelho conta com diversas funções personalizáveis e estará disponível em três modelos: o tradicional Apple Watch, uma versão esporte - Watch Sport -, mais resistente, principalmente nas pulseiras, e o Watch Edition, que é feito de ouro 18 quilates.

 

A empresa aposta no sucesso de um botão rotativo, como de relógios comuns, que permite dar zoom e acessar aplicativos.

 

A tela é sensível ao toque, o que permitirá enviar mensagens por meio de desenhos e responder mensagens com respostas sugestionadas pelo gadget. 

 

No smartwatch será possível atender ligações telefônicas do iPhone e ver o calendário. Há apps como previsão do tempo, contador de passos, sensor de frequência cardíaca e muitos outros que apostam no mundo fitness.

 

A Apple lançará seis diferentes pulseiras que podem facilmente ser trocadas pelo usuário. A bateria é recarregada por meio de um conector magnético que se conecta na parte inferior do relógio.

 

Veja também

 

 

Escrito por:

Paulo Campos