Publicado 07 de Setembro de 2014 - 11h12

A polícia de Hong Kong anunciou neste domingo (7) que abriu uma investigação por crueldade contra animais depois que um homem divulgou no Facebook fotos de um cachorro preso em uma máquina de lavar em funcionamento.

Nas fotos divulgadas pelo dono do bichinho, é possível ver um pequeno cachorro branco que se agarra à beirada da máquina e tenta desesperadamente sair e manter a cabeça acima da água.

Jacky Lo, dono do cachorro, colocou fotos no Facebook do cachorro tentando sair da máquina O dono disse que divulgou as fotos para mostrar "uma forma super-rápida de lavar um cachorro".

Indagado por outro usuário do Facebook se havia matado o cachorro, respondeu: "Sim. Quer ver?"

Cerca de 20.000 pessoas assinaram uma petição on-line exigindo que as autoridades agissem para punir o autor da crueldade.

A legislação vigente em Hong Kong prevê que os maus-tratos animais podem valer penas de até três anos de prisão e multa de 26.000 dólares.

 

Veja também