Publicado 01 de Maio de 2014 - 14h45

Equipes da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Assistência Social fazem levantamento das famílias

André Souza/reprodução Facebook

Equipes da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Assistência Social fazem levantamento das famílias

Um incêndio destruiu cerca de 200 barracos, na comunidade Mangue Seco, na Zona Noroeste de Santos. Não há feridos. De acordo com as primeiras informações do Corpo de Bombeiros, o fogo se alastrou por volta das 11h desta quinta-feira (1°), e por volta das 12h45 as chamas foram controladas.

Os barracos destruídos ficam próximos a um canteiro de obras do programa habitacional Santos Novos Tempos, ao lado do morro Ilhéu Alto, às margens do Rio São Jorge, no bairro Rádio Clube.

O fogo se espalhou rapidamente e um galpão da Prefeitura também foi atingido pelas chamas.

 

Cinco viaturas do Corpo de Bombeiros de Santos e São Vicente trabalharam na ocorrência, além viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A comunidade ajudou a combater às chamas, que se espalharam rapidamente por causa do vento - que nesta manhã, de acordo com a Base Aérea de Santos, chegou a 80 km/h. Ainda não se sabe o motivo do incêndio na região.

De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), após inalarem fumaça, duas pessoas precisaram ser levadas ao Pronto-Socorro da Zona Noroeste. Uma gestante, que se sentiu mal no local, também recebeu cuidados.

Equipes da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Assistência Social permanecem no local para fazer o levantamento das famílias que precisam ser encaminhadas a abrigos ou casas de parentes.

Este é o segundo incêndio registrado na Zona Noroeste de Santos em menos de um mês. Pelo menos 100 barracos em uma área conhecida como Caminho São Sebastião, também no Rádio Clube, ficaram destruídos após um curto-circuito, no dia 6 de abril.

 

Veja também