Publicado 03 de Maio de 2014 - 9h37

Vista da rua Teodoro Guedes de Campos, onde ocorreu o tiroteiro

Reprodução/Google Maps

Vista da rua Teodoro Guedes de Campos, onde ocorreu o tiroteiro

Um adolescente de 17 anos foi morto e um guarda municipal baleado durante assalto em bar na rua Teodoro Guedes de Campos, no Parque Santa Bárbara, em Campinas, na noite de sexta-feira (2). O GM, Gilberto Alves Martins, de 37 anos, acabou sendo confundido por um policial militar  com um dos ladrões e foi atingido no ombro. Ele passa bem.

 

Uma dupla de assaltantes, entre eles o jovem Vinícius Bordon Pires, entrou no estabelecimento por volta das 22h30 e anunciou o assalto. O GM, que estava de folga e a paisana, sacou a arma, provocando a fuga dos dois.

 

Na perseguição, houve troca de tiros na rua e o adolescente foi baleado na perna e no tórax. Durante a confusão, uma viatura da PM passava pelas proximidades e foi acionada.

 

Ao chegar no local,  o guarda municipal, que estava armado, se virou para um dos policiais que o confundiu com um dos assaltantes e atirou. A bala atingiu o ombro do GM. Ele se identificou como guarda municipal e foi socorrido ao Hospital de Clínicas da Unicamp, onde permanece internado neste sábado (3).  

 

O segundo assaltante conseguiu chegar até um Fiat Pálio que dava cobertura, e que já estava com outros dois ocupantes, escapou levando R$ 120 roubados do bar. O adolescente morto foi apreendido na semana passada por recepção de veículo e liberado na sequência.

 

Também na semana passada, o bairro foi palco de um outro crime. Um comerciante de 39 anos foi morto com três tiros na manhã do dia 28. Ele foi atingido com um tiro nas costas e dois tiros na cabeça por volta das 8h, minutos depois de abrir sua loja. Um rapaz fez uma compra no estabelecimento, foi embora mas voltou em seguida e atirou nas costas do comerciante.

 

Com informações de Alenita Ramirez

 

 

Veja também