Publicado 27 de Abril de 2014 - 19h50

Por Bruno Bacchetti

Vazamento de água da rede da Sanasa; de cada 100 litros de água tratada, 19,2 litros são peridos

Elcio Alves/ AAN

Vazamento de água da rede da Sanasa; de cada 100 litros de água tratada, 19,2 litros são peridos

Em plena crise de abastecimento de água e ameaça real de racionamento, uma enxurrada tomou conta no domingo (27) das ruas Ary Barroso e São Salvador, no Taquaral, em Campinas.

 

Segundo moradores da região, o vazamento teve início na madrugada e deixou as ruas completamente alagadas.

 

O desperdício de água causou indignação na população por causa do momento atual, no qual é a necessária a economia de água.

 

Uma equipe da Sanasa esteve no local ainda pela manhã e cessou o vazamento.

“O que vazou de água foi uma barbaridade e não é a primeira vez que isso acontece. A Sanasa deixou vazar desde às 4h. Acredito que deve ter estourado um cano e soltaram água para consertar”, comentou o farmacêutico Paulo Sousa, de 63 anos, que mora em frente ao local do vazamento.

Mudança de trajeto

O comerciante Paulo Brigatti, de 56 anos, disse que foi obrigado a mudar o trajeto para desviar da enxurrada. “Começou hoje (ontem) cedo e estava um mar aqui de manhã. Tinha tanta água que foi necessário dar a volta com o carro para não passar por aqui”, contou.

 

De acordo com a assessoria de imprensa da Sanasa, o reparo na rede do local exigiu o esvaziamento dos canos e foi uma medida necessária, tanto nesta semana quanto na semana passada.

Veja também

Escrito por:

Bruno Bacchetti