Publicado 02 de Abril de 2014 - 10h01

Por Rogério Verzignasse

PF cumpriu mandado de busca e apreensão em residência no bairro Santa Genebra

Carlos Sousamos/AAN

PF cumpriu mandado de busca e apreensão em residência no bairro Santa Genebra

Policias federais desmantelaram nesta manhã de quarta-feira (2), no Jardim Santa Genebra, em Campinas, um suposto escritório de contabilidade da facção criminosa Primeiro Comando da Capital  (PCC). Na casa, localizada da Rua Marquês de Abrantes - bem diante do Parque Linear Ribeirão das Pedras - e a 100 m de um destacamento da Polícia Militar (PM), morava a família do traficante Danilo Augusto Drago, preso na véspera em Limeira.

 

Policiais recolheram papéis e pen drives que serão analisados pela perícia

Drago é considerado braço direito de Rodrígo Felício, o Tico (que também foi preso na terça-feira) , líder do PCC, considerado o chefão da rota caipira do tráfico. O mesmo era investigado por ser um dos mentores de um plano (desmantelado no fim do ano passado) para matar o governador Geraldo Alckmin.

 

Na operação (codinome 'Gaiola') - que contou com o apoio de policiais militares - os federais encontraram documentos, pen drives e "vestígios" de armamentos. O imóvel estava vazio, e ´ninguém foi preso. Segundo os vizinhos, a família era discreta e morava por ali há seis meses, mas ninguém saia na rua.

 

 

Veja também

Veja também

 

Continue Lendo

Escrito por:

Rogério Verzignasse