Publicado 05 de Março de 2014 - 15h33

Por Rogério Verzignasse

Carnaval no distrito de Barão Geraldo terminou em pancadaria e repressão da Tropa de Choque da Polícia Militar (PM) na madrugada de terça (4)

Edu Fortes/AAN

Carnaval no distrito de Barão Geraldo terminou em pancadaria e repressão da Tropa de Choque da Polícia Militar (PM) na madrugada de terça (4)

A quarta-feira de cinzas amanheceu triste, melancólica, para pessoas que moram ou trabalham na região central do distrito de Barão Geraldo. E o clima não tinha nada a ver com o fim da folia.

 

A população passou a manhã contabilizando prejuízos e fazendo reparos emergenciais em portas e vidraças arrebentadas durante o tumulto generalizado da madrugada anterior, quando policiais reprimiram um grupo de supostos desordeiros que se concentrava nas imediações da Banca Central.

O caso

 

Após desfile de blocos na terça-feira (4), lojas foram depredadas e foliões ficaram feridos após tumulto entre vândalos e Polícia Militar (PM) no distrito de Barão Geraldo. 

 

Na confusão, agências bancárias e estabelecimentos comerciais sofreram danos estruturais com portas e janelas destruídas.

 

 

Tropa de choque da PM usou balas de borracha e gás lacrimogêneo para conter tumulto.

 

Veja também

Escrito por:

Rogério Verzignasse