Publicado 05 de Março de 2014 - 10h40

Por Ana Cristina Andrade

O motorista do Celta, segundo apurou a polícia, saiu para o acostamento e, ao voltar à pista, houve a colisão

Barbosa Neto/gazeta de Piracicaba

O motorista do Celta, segundo apurou a polícia, saiu para o acostamento e, ao voltar à pista, houve a colisão

Três pessoas ficaram feridas em uma colisão frontal, ocorrida na tarde de segunda-feira (4), na SP-304 - rodovia Geraldo de Barros - perto do Thermas. Segundo apurou a Polícia Militar Rodoviária, o causador do acidente, o peruano Jonatan Ordinola Fernandez, 35, não possui habilitação para dirigir veículos no Brasil.

O acidente aconteceu às 11h50 no quilômetro 188 mais 400 metros, na área rural de São Pedro. De acordo com a polícia, o GM Celta prata, placa IPD 4041, de São Paulo, dirigido por Fernandez, estava pela rodovia no sentido Águas de São Pedro-Piracicaba.

Por motivos a serem apurados, o carro foi para o acostamento, voltou para a pista e bateu de frente com o GM Montana Off Road prata, placa DIU 4753, de Campinas, dirigida pelo técnico em química Aparecido Altair de Oliveira, 47, que transitava no sentido contrário.

Com o impacto, Oliveira, o passageiro do Celta - Jossi Sanches Monteiro, 34, e Fernandez ficaram feridos. Quando a polícia chegou à pista eles já haviam sido levados ao Pronto-socorro de São Pedro.

A perita Walkiria esteve no local, com um fotógrafo do Instituto de Criminalística de Piracicaba, e coletou dados para o laudo pericial. O GM Montana foi liberado para a esposa de Altair Oliveira. O Celta foi apreendido e recolhido no pátio de São Pedro por não ter nenhuma pessoa conhecida de Fernandez que pudesse recebê-lo.

Fernandes disse a um PM Rodoviário, que foi ao Pronto-socorro, que se sentiu mal e por isso o carro saiu para o acostamento e retornou à pista novamente. A investigação será feita pelo delegado Marcel William Oliveira de Sousa.

Neste bairro, que tem acesso pela SP-127, rodovia Fausto Santomauro, que liga Piracicaba a Rio Claro, houve uma acidente que resultou em ferimentos no vendedor André Luis de Castro Brignoli, morador de Iracemápolis.

Ele dirigia o Citröen C3 preto, placa MFX 9182, de Iracemápolis, e bateu na traseira do Ford F-100 cinza, placa DAZ 4685, de Campinas, dirigido por Mário Nunes Fernandes, 57.

Brignoli explicou à PM Rodoviária que, enquanto estava com o carro em movimento, a direção começou a puxar para um lado. Ele acha que o pneu estourou e ele bateu no Ford F-100. O motorista do Ford chamou o socorro e a vítima foi levada ao PS do Vila Sônia.

Escrito por:

Ana Cristina Andrade