Publicado 28 de Fevereiro de 2014 - 22h28

Por Paulo Santana

Vadão acredita que o jogo com o Oeste será complicado

Dominique Torquato/AAN

Vadão acredita que o jogo com o Oeste será complicado

Depois de vencer times grandes como Corinthians e São Paulo e passar por equipes como Penapolense e Audax que estavam em grande fase, a Macaca andou tropeçando em jogos contra adversários menores. Perdeu, por exemplo, para o lanterna Atlético Sorocaba e tomou uma goleada do XV de Piracicaba, que hoje ocupa o último lugar no Grupo B.

Por isso, os jogadores pregam respeito ao Oeste, que é o penúltimo colocado na classificação geral e ganhou apenas um dos 10 jogos que disputou. "Estamos tendo alguns problemas em jogos desse tipo. Não podemos achar que jogar dentro de casa, contra um time que não vem bem, não dificulte para nós. Temos que entrar concentrados", comentou o meia Adrianinho.

O atacante Silvinho disse que houve um alerta no sentido de manter a postura adotada nos jogos considerados mais difíceis. "A conversa foi sobre como não errar como aconteceu na partida contra o Atlético Sorocaba. Eles estavam mal, mas acabaram vencendo o jogo. Agora, o Oeste passa pela mesma situação e não podemos vacilar de novo", comenta.

Na opinião do zagueiro Cesar, o adversário deste sábado (1), às 18h30, no Majestojo, pela 11ª rodada do Paulistão, jogará para vencer. "O Oeste vai com tudo, como o Ituano veio aqui e como o Atlético Sorocaba nos surpreendeu. Eles vão querer ganhar e nós não podemos perder a chance de abrir uma boa vantagem sobre o São Bernardo", alerta.

O técnico Vadão ressaltou a importância do confronto para as duas equipes. "Para nós, é vencer para seguir na busca da classificação. Para eles, é a chance de sair da zona de rebaixamento", compara.

Escrito por:

Paulo Santana