Publicado 21 de Fevereiro de 2014 - 5h30

O Atlético Sorocaba pode pagar pelo que não fez. O técnico Oswaldo de Oliveira trabalhou pesado ontem para que o Santos apague no jogo de hoje, às 19h30, na Vila Belmiro, pela nona rodada do Campeonato Paulista, a impressão negativa que ficou da goleada por 4 a 1 sofrida diante do Penapolense, no último domingo, em Penápolis.

O treinador decidiu escalar o meia Leandrinho no lugar do volante Alan Santos, que cumprirá suspensão, em uma substituição que deixará o time mais ofensivo. Com a ausência de Gustavo Henrique (foi expulso em Penápolis), Jubal formará a dupla de zagueiros com Neto.

Oswaldo de Oliveira abriu o dia às 9h, com uma palestra de uma hora e 10 minutos no anfiteatro do hotel Recanto dos Alvinegros. Falou sobre as falhas que o time já havia apresentado nos jogos anteriores e que foram maiores no último domingo e do perigo que representa um adversário teoricamente fácil como o de hoje. No campo, foram duas horas de ensaio de jogadas.

"Eu vinha alertando sobre essa possibilidade de tropeço, principalmente jogando fora de casa, e apenas reforcei o meu enfoque", explicou Oswaldo de Oliveira após o treino.

Laor x Neymar

Neymar saiu da linha ontem. Pelo Instagram, o craque desabafou. Criticou a diretoria do Santos e postou que está "de saco cheio" de toda polêmica envolvendo a sua venda para o Barcelona.

A declaração vem horas depois de o SporTV veicular uma entrevista com o presidente licenciado do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, em que o dirigente criticou Neymar pai. "Ele negou que tivesse recebido um tostão do Barcelona, o que é uma demonstração de falta de caráter imperdoável", falou.

A resposta veio de Neymar Jr. "Estou decepcionado com o ex-presidente Laor e o atual Odílio Rodrigues. Principalmente o Laor, que sempre o tratei com o maior carinho e admiração", postou o jogador. (Da Agência Estado)

SÃO BERNARDO

Wilson Júnior; Rafael Cruz, Fernando Lombardi, Luciano Castán e Eduardo; Dudu, Willian Favoni (Jean Carlos), Marino e Bady; Gil e Rodrigo Careca. Técnico: Edson Boaro.