Publicado 19 de Fevereiro de 2014 - 5h30

Apenas o número 84 do mundo, o espanhol Daniel Gimeno-Traver deu trabalho ao seu compatriota Rafael Nadal, líder do ranking mundial, na estreia do astro no Rio Open, ontem à noite, na arena montada no Jóquei Clube do Rio. Nadal precisou de 1h40 para vencer em dois sets, parciais de 6/3 e 7/5.

Agora, nas oitavas de final, Rafael Nadal vai enfrentar o também espanhol Albert Montañes, que passou pelo holandês Robin Haase, ao mesmo tempo, na quadra 1.

Rafael Nadal disputou ontem o jogo de simples de número 800 da carreira. O espanhol mostrou mais regularidade no primeiro set. Foi paciente diante de um adversário que se defendia bem. No segundo set, Gimeno-Traver deu trabalho ao líder do ranking e chegou a ter uma quebra de vantagem na parcial. Com o final da partida, Nadal ainda teve fôlego para bater uma rápida bola com um torcedor dentro de quadra.

“Foi fantástico. Estou muito contente de estar aqui no Rio pela primeira vez na minha vida. Desfrutei muito das últimas vezes que estive no Brasil e tive uma conexão muito boa com o público. Obrigado a todos”, agradeceu o tenista espanhol ao fim do jogo.

Também ontem à noite, o segundo cabeça de chave, o espanhol David Ferrer, fez valer seu favoritismo para derrotar com facilidade o francês Jeremy Chardy por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/3. Fabio Fognini, por sua vez, teve trabalho. Levou um pneu do esloveno Aljaz Bedene, mas venceu com 7/5 (7/5), 0/6 e 6/1, em quase duas horas de partida.

Num duelo de argentinos saiu o próximo adversário de Thomaz Bellucci. E será Juan Monaco, que ganhou de Horácio Zeballos em dois sets: 6/3 e 6/1. Em duelo sul-americano, Pablo Cuevas, do Uruguai, ganhou de Alejandro Gonzalez, da Colômbia. Ele pega o italiano Fognini na próxima rodada. Ferrer enfrenta o argentino Federico Delbonis. (Da Agência Estado)

3

Em solo brasileiro busca Nadal, que foi campeão duas vezes

do Aberto do Brasil (2005 e 2013)