Publicado 28 de Fevereiro de 2014 - 16h17

Por Da redação

Um grupo de mulheres jogou cuecas no plenário da Câmara de Vereadores na sessão desta quinta-feira (27), em protesto contra uma declaração considerada por elas como sendo machista, feita pelo vereador José Eduardo da Silva (SD) na última semana. Durante seu discurso na discussão sobre o projeto que autorizou a criação do programa Bolsa-Creche, José Eduardo da Silva afirmou que o ideal seria que os maridos tivessem salários melhores para que suas mulheres pudessem ficar em casa cuidando dos filhos.

As manifestantes são integrantes do movimento Pula Catraca - grupo que se mobilizava por questões como o passe-livre estudantil - foram recebidas pelo assessor do vereador. De acordo com informações do jornal O Liberal, de Americana, o vereador disse que vai pedir a gravação daquela sessão para observar se o discurso foi ofensivo. 

 

Escrito por:

Da redação