Publicado 20 de Fevereiro de 2014 - 5h00

Dois planos de saúde da Santa Casa de São José dos Campos estão na lista

Divulgação

Dois planos de saúde da Santa Casa de São José dos Campos estão na lista

Operadoras de São José e Jacareí são proibidas de vender planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspendeu a venda de planos de saúde de três operadoras do Vale do Paraíba, por descumprirem prazos máximos de atendimento e por negativas irregulares de cobertura de serviços contratados.

 

Foram suspensas as vendas de dois planos de saúde da Santa Casa de São José dos Campos; um plano de saúde da Unimed São José e três planos da Ativia, de Jacareí. Esses planos atendem atualmente 23.865 pessoas.

 

A medida vale a partir desta sexta-feira (21) e ocorre para que as empresas possam resolver problemas que já existem com os clientes, como demora na marcação de consultas e falta de coberturas previstas em contrato. Ao todo, 111 planos de saúde foram suspensos no país.

 

A avaliação pelo descumprimento dos planos englobou os meses entre setembro e

dezembro de 2013. A ANS informou que, nesses meses de avaliação, recebeu 17.599 reclamações a respeito de 523 planos de todo o país. São punidos aqueles que têm os piores índices de reclamação, segundo uma fórmula adotada pela agência. 

 

A suspensão vale por três meses, prazo estabelecido pela ANS para que os convênios resolvam os problemas existentes. As operadoras informaram que vão tentar solucionar os problemas apontados.