Publicado 18 de Fevereiro de 2014 - 19h35

Por Renê Moreira

Um motorista foi preso no final da tarde desta segunda-feira (17) após atropelar um cão na avenida Francisco Alberici, em Matão. Segundo populares que acionaram a polícia, ao parar o carro após o atropelamento, ele viu o animal ferido e o sacrificou batendo com uma enorme pedra várias vezes em sua cabeça.

O corpo foi localizado bastante esmagado dentro de um bueiro por policiais militares a 3 metros de profundidade. Eles resolveram convidar o condutor a realizar o teste do bafômetro que constatou a embriaguez. O acusado, das iniciais M.D.N., de 36 anos, confirmou ter tomado algumas cervejas e consumido drogas.

Ele alegou que matou o cão para não vê-lo sofrer, mas acabou autuado em flagrante pelo delegado Alfredo Gagliano Júnior pela crueldade contra o animal e pelo consumo de álcool ao volante. Por este último, foi arbitrada fiança de R$ 2 mil que não foi paga, sendo o acusado mandado para a Cadeia de São Carlos.

Escrito por:

Renê Moreira