Publicado 23 de Fevereiro de 2014 - 13h05

Por Agência Estado

Represas que formam o Sistema Cantareira estão com o nível mais baixo dos últimos 30 anos

Luís Moura/AE

Represas que formam o Sistema Cantareira estão com o nível mais baixo dos últimos 30 anos

O volume de água armazenado no Sistema Cantareira caiu neste domingo (23) para 17,4% da capacidade total dos reservatórios. O índice é o mais baixo já apresentado desde o início de operação do sistema, em 1974. Ontem, o nível era de 17,5%, de acordo com monitoramento realizado pela Sabesp.

O Sistema Cantareira é composto por um conjunto de reservatórios de água que se estende da região norte cidade de São Paulo até a divisa com o Estado de Minas Gerais. O sistema é responsável pelo abastecimento de quase metade da região metropolitana.

O nível baixo das reversas se deve ao longo período de seca nos meses de janeiro e fevereiro, quando é comum chover bastante. A quantidade de chuvas sobre a região está em 5,7 milímetros (mm) neste domingo. Ao longo de fevereiro, o volume de chuvas ficou em 54,4 mm, o equivalente a apenas 26,8% da média histórica de 202,6 mm para o mês.

 

Veja também

Escrito por:

Agência Estado