Publicado 28 de Fevereiro de 2014 - 16h07

Por France Press

As Farc apresentaram nesta sexta-feira três novos integrantes de sua delegação nas negociações de paz que acontecem em Havana, em um sinal de unidade. Os escolhidos são Fabián Ramírez, chefe da Frente Sul; Fidel Rondón, da Frente Oriental; e Jairo Martínez, também da Frente Sul.

A presença deles ressalta "o compromisso das Farc em buscar uma saída política para o mais longo conflito interno deste hemisfério", declarou o chefe da delegação, Ivan Márquez.

Fontes que acompanham o processo de paz explicaram à AFP que a presença de Ramírez e Martínez envia um sinal de que todos os blocos do grupo apoiam o diálogo, iniciado em novembro de 2012.

"Havia rumores de que a Frente Sul não apoiava o processo, porque não havia nenhum de seus dirigentes em Havana", afirmou uma fonte.

A delegação do governo colombiano não comentou a indicação.

Márquez também ironizou a visita do ministro colombiano da Defesa, Juan Carlos Pinzón, a Washington: "Se há tanto interesse do governo de Bogotá em obter a aprovação dos Estados Unidos, as Farc insistem que o país tenha um representante nas negociações".

Escrito por:

France Press