Publicado 03 de Janeiro de 2014 - 15h26

Tijolo de crack produzido no laboratório era vendido por R$ 5 mil

Divulgação

Tijolo de crack produzido no laboratório era vendido por R$ 5 mil

Uma mãe desesperada ligou para a Polícia Militar de Sorocaba, nesta quinta-feira (2), para denunciar a própria filha por tráfico de crack. Ela encontrou a droga em 28 flaconetes no quarto da menina de 15 anos.

A mulher disse que já tinha relatado suas suspeitas para o Conselho Tutelar e que havia pedido ajuda. Mas ela afirmou também que não recebeu esse apoio e que resolveu denunciar depois de achar a droga.

A menor foi levada ao plantão policial, onde foi registrada a ocorrência por ato infracional e tráfico de entorpecentes. Mesmo assim, ela foi liberada por ser menor de idade e ter residência fixa.