Publicado 10 de Janeiro de 2014 - 9h12

Por France Press

As autoridades suíças da concorrência, COMCO, anunciaram nesta sexta-feira (10) que puniram 11 companhias aéreas estrangeiras por um acordo no setor do frete aéreo. As multas chegam a um total de 11 milhões de francos suíços (9,16 milhões de euros).

A maior multa recaiu sobre a Air France-KLM, que deverá pagar 3,9 milhões de francos suíços.

O acordo incluía vários componentes do preço do transporte aéreo, como as taxas de frete, as sobretaxas de combustível, as sobretaxas por risco de conflito armado, as sobretaxas pelos gastos aduaneiros para os Estados Unidos, a percepção de sobretaxas.

Estes incidentes ocorreram entre 2000 e 2005.

As 11 companhias punidas foram Air France-KLM, British Airways, Korean Air Lines, Atlas Air, American Airlines, United, SAS, Japan Airlines, Singapore Airlines, Cathay Pacific Airways e Cargolux.

A Lufthansa, que permitiu a abertura do processo graças a uma autodenúncia, e a Swiss, filial da companhia alemã, foram exoneradas da sanção. A Lufthansa evitou, assim, uma multa de 15,8 milhões de francos suíços.

Escrito por:

France Press