Publicado 27 de Setembro de 2013 - 9h25

Por Da redação

Porta da loja ficou destruída na ação; prejuízo não foi contabilizado

Dorinaldo Oliveira/AAN

Porta da loja ficou destruída na ação; prejuízo não foi contabilizado

Um bando foi detido suspeito de atacar uma loja da rede Magazine Luiza, no bairro Taquaral, na madrugada desta sexta-feira (27), em Campinas.

De acordo com as informações da Polícia Militar, o ataque aconteceu nos moldes da 'gangue da marcha a ré', quando bandidos utilizam um carro para estourar a porta do estabelecimento.

O ataque é o 3º registrado só nesta semana no Taquaral e o 26º na região de Campinas neste ano. Denuncias através do 190 informaram sobre o ataque na madrugada. Quando a PM se dirigia para o local, uma outra denúncia telefônica informou sobre dois carros estacionados próximo da loja.

Quando os policiais chegaram, encontraram três homens e uma mulher. Os carros - um Corsa, com placa de Campinas e um Sandeiro, placa de Pouso Alegre (MG), tem registros de roubo.

No interior dos veículos foram encontrados um aparelho de som, um aspirador, um monitor de computador, um CD Player, carregador de celular, um GPS e cinco celulares.

Sidnei de Nascimento Batista, de 24 anos, Fábio Henrique Silva, 23, Marcelo Augusto dos Santos, 43, e Rosana Ribeiro de 48 anos, foram detidos em flagrante e encaminhados ao 1º Distrito Policial de Campinas.

A mercadoria foi apreendida pela Polícia Militar além de R$ 116 que estavam com Sidnei. Marcelo era procurado pela Justiça e junto com os outros dois homens foram encaminhados a cadeia anexa ao 2º Distrito Policial de Campinas. Já Rosana Ribeiro foi encaminhada para a cadeia pública de Paulínia.

A rede Magazine Luiza informou que os prejuízos ainda estão sendo contabilizados.

Terceiro caso na semana

Este é o terceiro ataque da 'gangue da marcha a ré' registrado no bairro Taquaral. Na terça-feira (24) a loja de eletrônicos Miami Store foi atacada por bandidos e aos menos sete notebooks foram levados.

Na madrugada da quarta (25), apenas a 400 metros da Miami Store, a loja de motos Espaço Warrior e os bandidos fugiram levando capacetes e acessórios.

Na mesma madrugada no bairro Costa e Silva, policiais militares em patrulhamento de rotina encontraram dois veículos abandonados.

No interior do Honda Civic, a PM encontrou os acessórios roubados na loja moto, e o o R.G. de Lucas Fernandes Basselar, que foi preso suspeito de agir nos ataques da marcha a ré.

Próximo ao carro, os policiais avistaram o Fiat Idea que estava com os vidros traseiros arrebentados e com a tintura toda arranhada, também abandonado em frente à casa de Basselar.

A Polícia Militar acredita que o Fiat Idea usado no ataque de hoje (25) seja o mesmo carro utilizado na ação da madrugada desta terça-feira (24), no ataque à Miami Store.

Com informações do repórter Douglas Fonseca, da AAN 

 

Veja também

Escrito por:

Da redação