Publicado 26 de Agosto de 2013 - 20h28

Por Da redação

Mais duas pessoas morreram em Campinas de gripe. Um jovem, de 28, morreu de Influenza Tipo B, e um homem, de 57 anos, de H1N1. Com isso, o número de mortes por Influeza B subiu de uma para duas, e o número de mortes por H1N1, de 11 para 12. Os casos são relativos a este ano. Até agora e, ao todo, foram registrados em 2013, 60 casos de H1N1, 19 de Influenza Tipo B, e três de H3N2. Os dados são desta segunda-feira (26) e foram obtidos com a Secretaria Municipal de Saúde de Campinas.

O jovem de 28 anos morreu em 17 de agosto, não fazia parte do grupo de risco e não havia tomado vacina contra gripe. Já o homem de 57 anos, morreu em 20 de agosto, fazia parte do grupo de risco, mas não tinha tomado a vacina. O encerramento da campanha ocorreu em 15 junho.

A vacina é disponibilizada gratuitamente a idosos com mais de 60 anos, crianças de seis meses a dois anos de idade (que devem tomar duas doses), grávidas e mulheres que deram à luz em até 45 dias, doentes crônicos, indígenas e profissionais da área da saúde.

O organismo demora cerca de 15 dias para produzir a quantidade necessária de anticorpos para ficar imunizado depois de ter sido vacinado, informam infectologistas.

Escrito por:

Da redação