Publicado 12 de Agosto de 2013 - 21h25

Por Alenita Ramirez

Bar do Rael, local onde as adolescentes foram baleadas

Elcio Alves/AAN

Bar do Rael, local onde as adolescentes foram baleadas

Duas adolescentes — de 16 e 17 anos — foram atingidas nas pernas por balas perdidas durante um pagode na madrugada desta segunda-feira (12) no Jardim Florence 2, em Campinas. As jovens perceberam o ferimento quando chegaram em casa e foram socorridas por familiares ao Hospital Campo Grande, sem risco de morte. Ninguém viu nada e tampouco os autores do disparo.

A garota mais velha foi baleada quando dançava no Bar do Rael, na Rua Adopho Block. Segundo a Polícia Militar (PM), o local é ponto de encontro da garotada nos finais de semana. “Há uma aglomeração muito grande na via pública por conta do som, não só do bar”, comentou um policial que não quis ser identificado. A jovem mais velha relatou à polícia que apenas sentiu sua perna direita queimar e percebeu o sangramento quando chegou em casa. Ela foi socorrida e liberada após ser medicada. 

A garota mais jovem contou que deixava o bar e estava próxima do carro do namorado quando sentiu um impacto e queimação na perna esquerda. “Não vi nem ouvi nada e só quando cheguei em casa que minha família viu que era um ferimento provocado por ‘bala perdida’”, disse a jovem. Ela foi transferida para o Hospital Celso Pierro e liberada na tarde desta segunda. Os casos serão investigados pelo 11º DP (Jd. Ipaussurama).

Até a tarde desta segunda não havia suspeito e tampouco a motivação dos disparos. As próprias vítimas alegaram que não ouviram disparos nem brigas por perto. A reportagem não conseguiu falar com o dono do bar. A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que não consta no arquivo do setor de Urbanismo nenhum alvará no endereço citado e que nesta terça-feira (13) será feita uma vistoria no local.

Escrito por:

Alenita Ramirez