Publicado 12 de Agosto de 2013 - 10h23

Caminhão exclusivo será utilizado no projeto de coleta seletiva

Divulgação

Caminhão exclusivo será utilizado no projeto de coleta seletiva

A cidade de Catanduva aderiu à Política Nacional de Resíduos, de forma a regulamentar a situação real do descarte e destinação final dos resíduos. “Estamos dando um passo à frente neste processo, contribuindo para a redução da exploração dos recursos naturais, por meio da implantação da Coleta Seletiva no município”, explicou a secretária de Meio Ambiente Kátia Penteado Casemiro.

O projeto piloto implantado envolverá dois modelos de serviços: coleta porta a porta e sistema de entrega voluntária. O serviço de coleta porta a porta acontecerá inicialmente na Vila Santo Antônio, Vila Celso e no bairro Higienópolis. Os Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) serão locais destinados para a entrega de material reciclável pela população. Para a excelência na realização deste novo processo, será utilizado um caminhão exclusivo para a Coleta Seletiva.

“Um programa de coleta seletiva não é tarefa difícil de realizar, porém, é trabalhosa, exigindo dedicação e empenho de todos para que se alcance o sucesso”, disse a secretária.

É a primeira vez que a cidade de Catanduva recebe esse tipo de serviço. Antes, a coleta seletiva era desenvolvida em alguns pontos da cidade, com a entrega voluntária, desenvolvida pela Associação Pão Nosso, que continua na Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura de Catanduva.