Publicado 12 de Agosto de 2013 - 12h06

Internos da unidade Vila Leopoldina da Fundação Casa (antiga Febem), na zona oeste de São Paulo, iniciaram uma rebelião por volta das 9h desta segunda-feira, 12. De acordo com a instituição, o motim começou após uma tentativa de fuga frustrada. Os adolescentes atearam fogo em colchões para bloquear a entrada no local e fizeram 12 funcionários reféns. Às 11h45, representantes da Superintendência e da Corregedoria-Geral da Fundação negociavam com os menores infratores a liberação dos reféns.

A área do edifício está isolada por policiais militares. A unidade da Vila Leopoldina tem capacidade para 150 internos, mas é ocupada por 100. A Fundação Casa não sabe dizer quantos adolescentes participam da ação e ainda não há informações sobre feridos. Nenhum adolescente conseguiu fugir.